• ClimatologiaMundo

    Sobre para 46 o número de mortos nos Estados Unidos por conta da tempestade Ida

    O furacão trouxe fortes ventos e enchentes

  • Os Estados Unidos registraram um novo aumento de mortes provocadas pelo furacão Ida. Agora são 46 óbitos registrados. A tempestade trouxe enchentes e fortes chuvas que causaram muitas enchentes. A Costa Leste americana, especialmente em Nova York e Nova Jersey foram as mais afetadas, de acordo com as autoridades na noite de quinta-feira (2).

    Os efeitos do furacão desencadearam inundações mortais em velocidade recorde em Nova York, na Filadélfia e em outras partes do leste dos Estados Unidos como consequência das tempestades sem precedentes na noite de quarta-feira (1º), com as águas invadindo casas e veículos.

    Carros foram abandonados nas ruas de cidades do nordeste do país depois que os motoristas fugiram de estradas que se transformaram em rios. O sul de Nova Jersey também se recupera de um tornado que destruiu casas.

    Na área da Filadélfia, o Rio Schuylkill estava quase 2 metros acima do estágio de “grande inundação” na manhã desta quinta, afetando as ruas da cidade, atrasando serviços ferroviários e de ônibus da cidade, fechando prédios e levando os líderes a incentivarem as pessoas a trabalharem em casa.

    Na cidade de Nova York, equipes resgataram passageiros de trens parados do metrô, enquanto outros viajantes ficaram presos durante a noite em estações, alguns dormindo em bancos e sem possibilidade de chegar a seus destinos. “Nova York está acostumada a desastres, mas você não pode imaginar quanta chuva caiu na noite passada”, disse a governadora Kathy Hochul.

    Estado de emergência

    Os estados de Nova York e Nova Jersey e a cidade de Nova York – onde os bombeiros resgataram centenas de pessoas de veículos em estradas inundadas e outras centenas do sistema de metrô – declararam estado de emergência.

    Dos 45 mortos, 15 morreram no estado de Nova York. Doze deles estavam na cidade de Nova York e três pessoas morreram no condado de Westchester. Eles saíram de seus veículos em uma inundação repentina, disseram as autoridades.

    A região dos três estados foi inundada em consequência da passagem do Ida. O Central Park, de Nova York, e Newark, em Nova Jersey, registraram níveis recordes de precipitação diária na quarta-feira. Um relatório do Serviço Meteorológico Nacional estima a precipitação no Central Park em 181 mm, “quebrando o antigo recorde de 97 mm estabelecido em 1927″. A maior cidade de Nova Jersey recebeu 213 mm de chuva, quebrando o antigo recorde de 56 mm estabelecido em 1959.

    O sistema de metrô da cidade foi interrompido, com exceção de duas linhas, devido à enchente. Como consequência, muitas pessoas ficram presas e sem saber como voltariam para casa.

    Alguns ficaram parados em uma linha perto da Times Square por volta de 1h20 depois de saírem do torneio de tênis US Open, no Queens. Vídeos da estação mostraram água jorrando do teto de um vagão e atingindo as pessoas que tentavam sair, bem como um quiosque de bebidas girando pelo vento.

    LEIA TAMBÉM

    Tempestade Ida mata nove pessoas nos Estados Unidos

    https://www.campolimpopaulista.sp.gov.br/site/
    Etiquetas
    Mostrar mais

    Artigos relacionados

    Deixe uma resposta

    Botão Voltar ao topo
    Don`t copy text!
    Fechar
    Fale conosco