• Ação SocialCampo Limpo PaulistaItupevaVárzea Paulista

    Região de Jundiaí se mobiliza para proteger a população do frio

    Doações e abrigos são disponibilizados para a população em situação de rua

  • A frente fria chegou e veio pra valer nesta quarta-feira (28). A promessa é de frio intenso nas cidades da Região de Jundiaí e a atenção é voltada para os moradores em situação de rua, que são as mais vulneráveis. Prefeituras montaram um esquema especial para atender a toda esta população.

    Créditos: Divulgação/Prefeitura de Campo Limpo Paulista.

    Em Campo Limpo Paulista, a prefeitura se mobilizou e, em parceria com a ONG Regenerando, agora  eles terão um abrigo, além de uma série de cuidados como banho, principais refeições, corte de cabelo e consulta com psicóloga. A Prefeitura vai auxiliar na abordagem e condução dessas pessoas para o abrigo e disponibilizou um veículo para que todos cheguem ao local com segurança.

    Essa mobilização já começou no final da tarde da última terça-feira, 27, e foram conduzidas até o local 13 moradores de rua. O abrigo fica no prédio da própria ONG, que fica na Rua Los Angeles, 101, no Jardim América, funciona das 18h às 8h e conta com cerca de 30 voluntários. O local tem capacidade para abrigar um total de 25 pessoas.

    Itupeva

    Já em Itupeva, a prefeitura informa que conta com o Acolhimento Emergencial comporta até sete pessoas, com camas, copa para alimentação e banheiros para higienização. A abordagem social é um trabalho realizado diariamente pela equipe do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), por meio das educadoras sociais. Essa ação atende, especificamente, pessoas em situação de rua. Nesta quarta (28), uma abordagem social será realizada.

    O trabalho em si consiste na busca ativa deste público, a fim de compreender as suas necessidades, o motivo que o levou a estar em situação de rua e, posteriormente, é ofertado o encaminhamento para o acolhimento institucional, recâmbio ou retorno para a família de origem.

    Várzea Paulista

    Em Várzea Paulista, a prefeitura informa que organizou um abrigo para receber pessoas em situação de vulnerabilidade. O prefeito Professor Rodolfo Braga deu detalhes sobre os trabalhos para garantir a proteção destas pessoas.

    “Preparamos um espaço público para receber os mais vulneráveis e protegê-los do frio, que promete ser grande nos próximos dias. Graças ao trabalho conjunto do Fundo Social, do Desenvolvimento Social, da Saúde e da Guarda Civil Municipal, criamos um serviço de atendimento eficaz e seguro. Vale ressaltar que todos os protocolos sanitários estão sendo cumpridos: uso de máscara, toalhas higienizadas, fornecimento de álcool em gel, luvas descartáveis, verificação de temperatura, cobertores novos e esterilizados, entre outros cuidados”.

    Além disso, a Unidade de Desenvolvimento Social tem feito abordagens e encaminhamentos das pessoas em situação de vulnerabilidade. Elas são levadas para a associação SOS Cristão e o Centro Terapêutico Educacional Cristão.

    Créditos: Divulgação/Prefeitura de Várzea Paulista.

    Em trabalho conjunto com o Fundo Social, é realizada a entrega de cobertores, agasalhos, meias, toucas e produtos de higiene pessoal. Segundo a coordenadora do Fundo Social, Rosemeire Silva, em algumas noites, servidores saem às ruas para a distribuição de leite quente e lanche para as pessoas em situação de rua.

    Além disso, também é feita a distribuição dos kits cobertor e manta, para todas as famílias do Programa Viva Leite e as famílias em demandas diárias da unidade e entidades. A distribuição é feita da seguinte maneira: um kit com um cobertor e uma manta por cama.

    LEIA TAMBÉM

    Defesa Civil alerta para a vinda da frente fria

    https://www.instagram.com/prefeituradecampolimpopaulista/
    Etiquetas
    Mostrar mais

    Artigos relacionados

    Deixe uma resposta

    Botão Voltar ao topo
    Don`t copy text!
    Fechar
    Fale conosco